Dubladores

Roberto Barreiros


Arquivo de Som:

 
Tartaruga Tuchê em Tartaruga Tuchê


 
Biografia:

 
Roberto Barreiros foi um dublador Paulistano.
 
Roberto Barreiros nasceu em Ribeirão Preto, São Paulo. Começou a carreira cedo no rádio em sua cidade como radialista e diretor. Depois veio para São Paulo e trabalhou como rádioator, também seguiu carreira musical na capital paulista espalhando seu trabalho musical por Rádio e Tv.
 
Cantava o gênero de musica popular brasileira da época com algumas influências das baladas americanas também de mesmo época. Gravava muito no estúdio paulista Chantecler, aonde frequentava muito. Fez muito sucesso com a musica Vou Morrer de Rir em 1966, dentre muitas outras.
 
Barreiros também foi ator comediante, trabalhou na Praça da Alegria ao lado de Manuel de Nóbrega na Tv Paulista no final da década de 1950 e inicio da década 1960. Lá interpretava o personagem Teobaldo. Trabalhou em outros programas de comedia da televisão.
 
Na década de 1970, teve um programa próprio na Tv Record chamado Porteira Para o Sucesso, no qual ele revelava novos talentos da música. Foi um programa com curta duração.
 
A Partir daí dedicou-se única e exclusivamente para a música, que era e é sua maior paixão. Alem de seu gênero musical típico dos anos de 1960 e 1970, Barreiros também começou a gravar musicas Sertanejas, tendo sido o primeiro cantor a gravar a musica Rosto Molhado, de sucesso no meio Sertanejo.
 
Nos anos 2000 trabalhou na Rádio Gazeta AM - 890 kHz em São Paulo, apresentando flashback nacionais da 1 as 5 da manha.
 
Hoje em dia viaja o Brasil cantando, tanto suas musicas de sucesso quanto covers sertanejos.
 
Na dublagem entrou no início dos anos de 1960, tendo permanecido pouco mais de 2 anos. Por ser um imitador caricato, Barreiros foi convidado pela distribuidora brasileira da Hanna Barbera, a Screen Gems, para fazer apenas as vozes dos personagens dos desenhos. Barreiros imortalizou vozes que na grande maioria foram mantidas até hoje, como a ágil Tartaruga Tuchê, sempre com sua frase "Viva Tuche", foi a voz de Babalú em Pepe Legal, falando com aquele peculiar sotaque castelhano "Vamos Lá Pepe Legal", foi a voz do caçador Major Menor em Leão da Montanha, foi o Sr. Twiddle dono do Wally Gator, foi a voz do baterista Wally em Butch Cassidy e Os Sundance Kids, fez o Moscado em Mosquete, Mosquito e Moscado, foi Jambo, Ruivão e narrava o desenho ao mesmo tempo, numa época aonde não havia como dublar individualmente as falas, mostrando a genialidade do dublador que era. Sai da dublagem para dar continuidade a sua carreira de cantor e na televisão.

 
Trabalhos:

 
- Jambo, Ruivão e o narrador em Jambo e Ruivão (Primeira Dublagem)
- Babalú em Pepe Legal
- Major Menor em Leão da Montanha
- Sr. Twiddle em Wally Gator
- Tartaruga Tuche em Tartaruga Tuche
- Uniblab (segunda voz) em Os Jetsons
- Moscado em Mosquito, Mosquete e Moscado
- Wally em Butch Cassidy e Os Sundance Kids
- Vovô Jetson no episódio A Visita do Vovô em Os Jetsons

- Duende no episódio Sham-Rocked em Lippy e Hardy